Diário de um Recém-ateu

19 de fevereiroPraia. Tudo de bom.
Nós seres humanos sempre nos sentimos tranquilos e bem na praia, ou quase sempre. Essa é uma resposta meio que inata. Nossos antepassados sabiam que o litoral normalmente significava segurança e fartura.

Sempre o neandertal. Ele está por trás de quase tudo o que achamos bom e nos acalma ou satisfaz?
O que em nós é biológico e o que é social? E o social, o que é? Por que temos consciência?
Coloquei “proof of life after death” no google. Minha obsessão continua. Os filósofos balançavam a cabeça, desaprovadoramente. Um site tem fotos antigas de ectoplasmas “materializados”. Se depender destas fotos, meu ceticismo é inabalável.

Um sujeito colocou na net sua “prova lógica” da vida após a morte. O problema é que essa prova depende de pelo menos 3 dogmas a priori que não podem ser comprovados e da nossa faltas de conhecimento sobre a natureza da consciência. Aliás, esse é o último baluarte do neandertal: o que é a consciência? quando começa? quando acaba?

Anúncios

About this entry